O raso, o rasteiro e os OVNIs

Argumentos rasos, trabalhos rasteiros…

Reflexões

O raso, o rasteiro e os OVNIs

Argumentos rasos, trabalhos rasteiros…

Publicado em 05 de outubro de 2010 por Olegario Schmitt

Freqüentemente são utilizadas expressões como “esse trabalho é muito rasteiro” ou “esse é um argumento raso”. Mas rasteiro é perto do chão e chão já é quase profundo. Do raso para o profundo, igualmente, basta um passo, a despeito do grande risco de se cair num abismo.

Talvez fosse mais apropriado dizer “esse trabalho atingiu as nuvens” ou “esse argumento é estratosférico”, da mesma forma que se fala de objetos voadores não identificados.

Sim, porque certas obras e determinados argumentos parecem ter sido criados por verdadeiros alienígenas, os quais falam uma“conversação alienígena” língua que apenas eles compreendem. Some-se a isso os habitantes de outros planetas, que não têm nada a ver com o planeta em questão, mas unem-se aos primeiros seguindo a dinâmica outsider, não significando que os segundos necessariamente compreendam a língua dos primeiros, mas sabem fingir muito bem.

Talvez se trate apenas disso: somos todos alienígenas. Celibatários, cada um habitando seu próprio planeta, em órbitas concêntricas mas não necessariamente em torno da mesma estrela ou crença. Já os outros, mais numerosos, são corpúsculos sem “órbitas e asteróides”órbita nem forma definida localizados no grande cinturão de asteróides. Estes últimos, apenas de vez em quando e por instantes efêmeros, brilham intensamente, mas como são erráticos e inconstantes, logo desaparecem naturalmente (por vezes, também, atingem a superfície deste ou daquele planeta, causando grandes estrondos).

Enfim, isso tudo que foi dito serve apenas para comprovar a teoria exposta nos dois primeiros parágrafos: trata-se de uma argumentação alienígena e estratosférica que, por instantes, atingiu seu brilho máximo, para logo em seguida graciosamente despencar por si mesma no mais profundo do abismo.

Você pode deixar sua opinião registrada

Seu ponto de vista é importante. A reação do leitor é um termômetro valioso para o autor.

Contribua com sua opinião

Designed by