Estrangeiro

Sobre a vida numa megalópole

Literatura

Estrangeiro

Sobre a vida numa megalópole

Publicado em 30 de Janeiro de 2008 por Olegario Schmitt

Filigranas Pauliáceas - Díptico

estrangeiro nos gestos
e nos ecos da fala
— corações vazios.

estrangeiro em toda parte,
— exceto onde soa a voz
dos pensamentos,
sem sotaque ou nacionalidade.

apenas mais um estrangeiro
nessa terra de estrangeiros,
sobretudo de si mesmos.

mais um ninguém nessa terra
de ninguém que é de todos.

Comentários

  1. Iosif
    23 de Fevereiro de 2008

    agradeço sua visita e seu comentario abraço

Contribua com sua opinião

Designed by