Tikuna & The Yellow Submarine

Nacionalismos e submarinos amarelos

Atualidades

Tikuna & The Yellow Submarine

Nacionalismos e submarinos amarelos

Publicado em 12 de março de 2005 por Olegario Schmitt

Índios da Tribo Tikuna - Amazonas

Quinto da frota nacional, o Tikuna leva o nome de uma tribo indígena da cidade de Tabatinga, no Amazonas, e não é amarelo como os submarinos ingleses.


Submarino S34 Tikuna

Por motivos insuspeitos, o custo total da banheira submergível, ainda em construção no Arsenal da Ilha das Cobras (!!!), Rio de Janeiro, não foi revelado pela Marinha. Mas o custo (sub) estimado das quatro primeiras embarcações — Tupi, Tamoio, Timbira e Tapajó — é de US$ 1 bilhão cada uma.

Fato curioso são os nomes — nacionalíssimos — dos submarinos. Será algum tipo de compensação de culpa por parte do Governo Federal em relação ao que ocorre com as tríbos indígenas brasileiras?

Será que o “Cururu”, digo, o Excelentíssimo Senhor Presidente da República, está planejando atacar a fome por vias marítimas? Ou, assumindo a precariedade do sistema rodoviário nacional, prentende, de maneira engenhosa, escoar a safra agrícola de 2005 por baixo d’água?

Enquanto isso, no Reino Unido…

“A Comissão para a África, um grupo criado em 2004 pelo primeiro-ministro britânico Tony Blair, pediu às nações mais ricas do mundo que dobrem a ajuda ao continente para US$ 50 bilhões por ano ao longo da próxima década.”

Fonte: BBC Brasil, 11/03/2005

Lá sim, os submarinos são todos amarelos.

Você pode deixar sua opinião registrada

Seu ponto de vista é importante. A reação do leitor é um termômetro valioso para o autor.

Contribua com sua opinião

Designed by